---------------------------------- ------------------------------------------------------------------------------- À procura da banana dourada do amor™

À procura da banana dourada do amor™

Olá pessoal. Divirtam-se aqui dentro e comentem sobre a sua estupidez fenomenal e a nossa habilidade de escrever correctamente na internet. Aqui iremos deixar comentários sobre o mundo e uma história que tenha a ver com o nome do blog que se encontra no 12º Capitulo. Contagiem os vossos amigos de boa disposiçao divulgando o site e melhor; nos tambem ficamos contentes. Fiquem bem e tenham cuidado com os atuns gigantes que vêm nos pacotes de bolachas "Chips Ahoy!".

06 setembro, 2005

À procura da banana dourada do Amor
-=-Capítulo V-=-

O Manuel das Couves olhou em redor mas nada viu.
-Ana - disse o José - olha!
Ela virou-se mas bateu com a cabeça num ramo de uma árvore. Depois de se ter recomposto la olhou. Diante de seus olhos viu um muro encarnado que nada fez.
-E...?
-Olha bem.
Ela olhou tanto que desmaiou, porque a cor era muito intensa.

-Oh, Manuel das Couves, nao me ajudávas a trazer a Ana. Ela nao viu o que estava atrás do muro...
- Sim, mas espera, tenho de regar o chapéu... -disse Manuel
-OK... Espera acho que não vale a pena, ela esta a recuperar os sentidos.
-Onde estou? - ponderou Ana - é bonito aqui?
- Não.
-Interessante. Enquanto desmaiada, tive um sonho, um sonho lindo! Havia porquinhos, porquinhos saltitantes que pululavam em nuvens cor-de-rosa feitas de algodão! E eu, no meio deles, saltava também, e mandei um tralho do caraças e fui parar de queixo ao chão.
-Pois...
-Esquece, vamos é procurar o abelhão. O Manuel?
-Está a regar o chapéu. Deve estar a voltar..

20 minutos depois...
-Yup. Deve estar quase

2 horas depois...
- Deve ter faltado a água, nao deve demorar.

2 dias depois...
-AI A *som agudo de longa duração* !O CHAPÉU DELE DEVE TER UNS 3728,35 METROS, VAMOS MAS É EMBORA...

2 Comments:

Blogger TheBlaster said...

O chapeu abafa msm muito

08 setembro, 2005 23:02  
Anonymous Anónimo said...

LyricWritterporquesemmimnãoescreviamnada:

Caros amigos, li a vossa historia e achei-a espetacularmente estupida e divertida, e mudou o meu sentido de vida. Aprecio a vossa habilidade fenomenal de conseguirem escreverem correctamente num "blog" da internet, onde todas as palavras tem um "k" como por exemplo: "para". Obrigado pelos vossos avisos simpáticos de atuns da conspiração encontrados em todos os sitios existentes a face desta planeta.
Como comprimentos, deixarei um dilema para voces:

It cannot be seen, cannot be felt,
Cannot be heard, cannot be smelt.
It lies behind stars and under hills,
And empty holes it fills.
It comes first and follows after,
Ends life, kills laughter.

Vou por a resposta cinco vezes, no caso de terem problemas de vista:

Gambuzinos da Noite Gambuzinos da Noite Gambuzinos da Noite Gambuzinos da Noite Gambuzinos da Noite

Saudações do vosso amigo:
LyricWritterporquesemmimnãoescreviamnada
(Nuno)

11 setembro, 2005 19:09  

Enviar um comentário

<< Home